Compre por
Telefone
Principais cidades
4002-1010

Você sabe o que é SWIFT?

Você sabe o que é SWIFT? Descubra no Blog da Cotação o que é e para que serve essa sigla que comum na hora de fazer transferências internacionais.

Se você não trabalha na área financeira, pode achar confuso o uso de tantas siglas durante as transações bancárias. Mas, entender o que elas significam, é fundamental para quem utiliza serviços de remessas internacionais.

Pensando nisso, e querendo simplificar a vida de tantas pessoas, vamos falar hoje sobre mais uma delas. Você sabe o que é SWIFT?

Descubra o que é a sigla swift

Entendendo a sigla: o que é SWIFT?

A sigla, correspondente a Society for Worldwide Interbank Financial Telecommunication, significa Sociedade para as Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais e também  é conhecida como BIC (Bank Identifier Code). O SWIFT tem como finalidade identificar uma instituição bancária.

O código é usado em transações financeiras interbancárias, principalmente em transferências internacionais, mas também em outras operações entre bancos. Em alguns casos pontuais, pode ocorrer de um único banco, de grande porte, ter códigos distintos que definem as diferentes regiões das agências bancárias.

Leia também: Qual a diferença entre IBAN e SWIFT?

Estrutura

Se você já fez transações internacionais, certamente já se deparou com o código SWIFT. Para exemplificar como ele funciona, vamos mostrar detalhadamente. Cada código tem de 8 a 11 caracteres e essa estrutura é dividida em 4 partes, funcionando da seguinte forma:

AAAA BB CC DDD

AAAA – Código do banco, formado por 4 letras.

BB – Código do país onde o banco está localizado, formado por 2 letras.

CC – Código de localização, que pode ser formado tanto por 2 letras quanto por 2 números.

DDD – Código da agência, único dígito opcional, uma vez que nem todos os bancos têm agências.

O objetivo do código é simplificar a identificação das transações financeiras internacionais. Com essa padronização, é mais fácil para que pessoas de diferentes países e que falam línguas diferentes, identifiquem de imediato as transações que são feitas.

Além disso, todas as instituições que atuam com o código SWIFT, conseguem ter uma operação mais eficiente e com maior agilidade. Isso faz com que as negociações aconteçam em um tempo mais curto, melhorando o atendimento ao cliente.

Com a padronização, a diminuição de erros nas transações é menor, facilitando também o trabalho de quem atua no mercado financeiro, como uma casa de câmbio, por exemplo. Ao realizar o câmbio de moeda em transações internacionais, o SWIFT garante uma maior agilidade no serviço.

Agora que você sabe o que é o SWIFT, que tal ler outros posts sobre siglas que utilizamos em operações de câmbio e que são de extrema importância? Aqui, você pode aprender sobre como calcular o IOF.

Compre por
Telefone
Principais cidades
4002-1010